9 minutos de leitura

Trading Quantitativo: o que é e como funciona

Por Renata Lopes
Conteúdos do artigo

Operar no mercado financeiro demanda do investidor o conhecimento de estratégias que o capacitem a tomar decisões inteligentes, aumentando os lucros e minimizando prejuízos. Enquanto as abordagens mais conhecidas incluem a Análise Fundamentalista e a Análise Gráfica, observa-se, nos últimos anos, um crescente interesse em uma terceira via: o Trading Quantitativo.

Trader quantitativo operando

O que é Trading Quantitativo?

Trading Quantitativo, também conhecido como Análise Quantitativa, é uma filosofia de investimento que desenvolve estratégias sistematizadas por meio da programação, fundamentadas em dados estatísticos de alta relevância. Ou seja, os dados devem mostrar um padrão muito forte, que aconteceu diversas vezes no passado e obteve resultados consistentes.

Por isso, o Trading Quantitativo não se baseia em preconceitos ou opiniões sobre o mercado, visto que confia nas conclusões derivadas da análise de dados por meio da Programação e Ciência de Dados. Inclusive, é possível utilizar qualquer tipo de dado estatisticamente significativo para testar estratégias, até mesmo os de base fundamentalista ou técnica (gráfica).

No mercado financeiro, o profissional que faz uso dessa estratégia para identificar as oportunidades mais lucrativas chama-se trader quantitativo.

Como funciona o Trading Quantitativo?

A base do Trading Quantitativo é o método científico, que funciona como um ciclo e respeita o seguinte passo a passo:

1. Observação do mercado

Inicialmente, o trader busca entender o que está acontecendo no mercado em determinado momento para encontrar padrões. Por exemplo: o fato de uma ação da Bolsa de Valores cair consistentemente durante um período pode indicar alguma tendência.

2. Formulação de hipóteses

A partir dessa observação, o trader deve criar hipóteses para fazer uma operação com lucro. Essas hipóteses precisam ser falseáveis e testáveis. Isto é, se não tiver como testá-las e refutá-las, não é possível concluir, por meio do método científico, se elas são verdadeiras ou falsas.

3. Teste de hipóteses

O próximo passo é encontrar dados e realizar experimentos para testá-los. Nós ensinamos a fazer isso no vídeo abaixo, que avalia estratégias de day trading com programação.

4. Análise dos resultados

Por fim, é imprescindível analisar os resultados obtidos e se as hipóteses, conforme passam por testes mais vezes, continuam verdadeiras.

Na prática, o trader pode operar uma mesma estratégia de várias formas diferentes, otimizando, verificando, tentando falseá-la e implementando os custos operacionais. Se a hipótese se provar uma boa oportunidade, o trader finalmente vai para o mercado e roda a estratégia, analisando se obteve lucro ou prejuízo.

Portanto, a análise quantitativa é um ciclo que está sempre em atualização.

Linguagens de programação no Trading Quantitativo

Ser um trader quantitativo de sucesso requer acesso a dados de qualidade e em grande volume.

Dados de qualidade formam a base do Trading Quantitativo, pois o trader só pode tirar conclusões significativas sobre o mercado se tiver dados muito bem construídos e precisos. Além disso, quanto mais dados tiver, mais fácil será para ter certeza estatística de que determinada estratégia faz ou não sentido, por isso o volume de dados é tão importante.

Assim, só se torna sustentável analisar um volume grande de dados quando se tem uma forma computacional de aplicar o método. Portanto, o conhecimento em programação é inegavelmente essencial para o trader quantitativo.

Dentre todas as linguagens de programação, Python é a que mais se destaca no campo da análise de dados. As principais bibliotecas de análise e ciência de dados que existem são dessa linguagem e elas são as mais eficientes e as mais rápidas.

Python também apresenta um nível de complexidade menor em comparação com linguagens normalmente utilizadas para o desenvolvimento de software, como Java, JavaScript, C, C++, entre outras. Além do que, Python não só desenvolve software, como também é muito utilizado para análise de dados em empresas do mundo todo, incluindo gigantes como Google, Netflix e Spotify.

Trading quantitativo x trading discricionário

Ao lado do Trading Quantitativo, temos o Trading Discricionário, uma abordagem que contrasta com a metodologia quantitativa.

No Trading Discricionário, as decisões não se baseiam nem em dados históricos, nem na análise de qual padrão funciona do ponto de vista estatístico, por exemplo. O trader discricionário toma decisões com base na sua própria intuição e no seu entendimento das condições atuais do mercado.

Isso faz com que essa estratégia demande experiência e um entendimento profundo do mercado. Portanto, não a recomendamos para iniciantes.

Para ver na prática como um trader quantitativo e como um trader discricionário encarariam a existência do mesmo tipo de padrão no mercado, confira a aula abaixo. Nela, mostramos como essas duas abordagens podem levar a diferentes decisões de compra e venda de ativos e também como a metodologia quantitativa pode ser mais eficaz e rentável a longo prazo.

Como pensa o trader quant?

Ao contrário da análise subjetiva empregada por traders discricionários, os traders quantitativos seguem uma abordagem mais estruturada e baseada em dados.

Antes de implementar uma estratégia, o trader quantitativo incorpora programação e modelos matemáticos para avaliá-la em relação a dados históricos. Esse passo é crucial para verificar a robustez estatística do padrão identificado, já que permite a avaliação de estratégias de forma objetiva, muito antes de serem aplicadas.

Por essa razão, é essencial adotar essa metodoliga, pois ela protege os traders quantitativos contra vieses emocionais, um desafio comum para os discricionários. Assim, estratégias menos promissoras são prontamente descartadas, oferecendo espaço para a criação e otimização contínua de modelos mais eficazes.

Para entender em profundidade como os traders quantitativos moldam sua mentalidade e abordam o mercado, confira nosso artigo completo Como pensa um trader quantitativo?.

Onde aprender mais sobre Trading Quantitativo?

Para aprender mais sobre Trading Quantitativo, você pode começar pela nossa playlist no YouTube com uma série de vídeos sobre o tema.

Primeiro vídeo da playlist Trading Quantitativo

Mas, se quiser uma abordagem mais completa para realmente dominar a análise quant, conheça a Trilha Trading Quantitativo, da Asimov Academy. Nela, você aprenderá a utilizar programação, modelos matemáticos, inteligência artificial e conhecimento de mercado para criar sistemas completos de trading, definindo pontos de entrada e saída e capital alocado, além de automatizar a execução da estratégia por meio de algoritmos operacionais (algotrading).

Inscreva-se gratuitamente e fique atualizado

Receba toda semana um resumo dos principais conteúdos da Asimov direto no seu e-mail. 100% livre de spam.

Áreas de interesse:
Conteúdos do tutorial