Como Sair/Encerrar/Desativar um Ambiente Virtual Python

Ana Maria Gomes
4 minutos de leitura

Conteúdos do tutorial

Ao trabalhar com Python, ambientes virtuais são uma maneira excelente de gerenciar dependências específicas de projetos. No entanto, chega um momento em que você precisa sair do seu ambiente virtual e voltar para o ambiente global do seu sistema. Se você está usando virtualenv e virtualenvwrapper, pode estar se perguntando como desativar um ambiente virtual sem ter que fechar sua sessão no shell. Vamos ver os passos simples para fazer exatamente isso.

Desativando um Ambiente Virtual

O processo para deixar um ambiente virtual é direto. Quando você ativa um ambiente virtual, uma função de shell chamada deactivate é criada. Para desativar seu ambiente e retornar ao ambiente global, você simplesmente precisa executar:

$ deactivate

Este comando reverte as alterações feitas no seu ambiente quando você o ativou. É um recurso integrado tanto do virtualenv quanto do virtualenvwrapper, então você pode contar com ele para funcionar sem problemas.

Caso Especial: Desativar Ambientes Virtuais Anaconda

Se você está trabalhando dentro de um ambiente Anaconda, o processo é um pouco diferente. Para versões recentes do conda (4.6 e superiores), você pode desativar seu ambiente usando:

$ conda deactivate

Para versões mais antigas do conda, você usaria:

$ source deactivate

Isso usa o comando source para executar o script de desativação fornecido pelo conda.

E Se o deactivate Não Funcionar?

Em alguns casos, você pode descobrir que o comando deactivate não funciona como esperado. Isso pode acontecer se você estiver usando um wrapper ou fluxo de trabalho específico em torno do virtualenv. Se esse for o caso, você pode tentar:

$ source deactivate

Isso é um pouco fora do comum, já que source é tipicamente usado para ativar ambientes, mas pode servir como uma solução alternativa em certas situações.

Criando um Alias Personalizado para Desativação

Para facilitar o uso, você pode definir um alias que serve como o oposto do comando workon. Por exemplo, você poderia configurar um alias chamado workoff:

alias workoff='deactivate'

Com esse alias, você pode simplesmente digitar workoff para desativar seu ambiente:

[meu-pc ~]$ workon meu_env
(meu_env)[meu-pc ~]$ workoff
[meu-pc ~]$

Isso torna fácil de lembrar e mantém seu fluxo de trabalho eficiente.

Resumo

Desativar seu ambiente virtual Python é tão simples quanto executar o comando deactivate. Para usuários do Anaconda, o comando varia ligeiramente dependendo da versão do conda. Se você encontrar algum problema, utilizar o comando source deactivate pode ser uma boa alternativa. Além disso, configurar um alias como workoff pode tornar o processo ainda mais intuitivo. Lembre-se, gerenciar seus ambientes virtuais de forma eficaz é fundamental para manter uma configuração de desenvolvimento limpa e organizada.

Inscreva-se gratuitamente e fique atualizado

Receba toda semana um resumo dos principais conteúdos da Asimov direto no seu e-mail. 100% livre de spam.

Áreas de interesse:
Conteúdos do tutorial